TRANSLATE/ TRADUTOR

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

Pesquisar no Blog

Carregando...

segunda-feira, 29 de julho de 2013

VINAGRE DE MAÇÃ CONTRA PULGAS E CARRAPATOS

   Tenho pesquisado há alguns dias sobre o uso do vinagre de maçã para benefício de nossos peludos.
Eu nunca tive problemas com pulgas ou alergias, carrapatos, uma vez quando chegou a minha primeira filha de 4 patas a Diny em Goiânia, quando eu era muito ignorante em relação aos conhecimentos da raça, e ela já em casa depois de alguns dias é que fui ver que tinha carrapatos e fiz tudo errado,  cheguei a passar creolina no apartamento inteiro, foi horrível, dava pra sentir o cheiro subindo no elevador 2 andares abaixo mas ainda corredor, isso que eu diluí em água, sei que foram duas semanas eu lavando todos os dias até que o cheiro fosse eliminado, bem, bobagens à parte, ainda bem que ela não ficou doente. 

  Mesmo sem nunca ter tido infestação por estes parasitas, o que eu nunca descuido mesmo, é a preocupação com venenos que aplicamos neles todo mês, as pipetas que aplicamos neles, eu temo sim por sua segurança mas sei também que é o recomendado e eu uso sim nos meus, não todo mês, mas, a cada dois meses uma dose em cada um.

  Foi olhando fotos de Shih Tzu que encontrei um artigo em um site americano sobre o uso do vinagre de maçã como forma de prevenir infestação de pulgas e fungos nos cães.

Vou colar o artigo na íntegra aqui em inglês:  1997 article by Wendy Volhard:

"...If your dog has itchy skin, the beginnings of a hot spot, incessantly washes its feet, has smelly ears, or is picky about his food, the application of ACV may change things around. For poor appetite, use it in the food - 1 tablespoon, two times a day for a 50 lb. dog. For itchy skin or beginning hot spots, put ACV into a spray bottle, part the hair and spray on. Any skin eruption will dry up in 24 hours and will save you having to shave the dog. If the skin is already broken, dilute ACV with an equal amount of water and spray on. 

Taken internally, ACV is credited with maintaining the acid/alkaline balance of the digestive tract. To check your dog's pH balance, pick up some pH strips at the drug store, and first thing in the morning test the dog's urine. If it reads anywhere from 6.2 - 6.5, your dog's system is exactly where it should be. If it is 7.5 or higher, the diet you are feeding is too alkaline, and ACV will re-establish the correct balance. 

If you have a dog that has clear, watery discharge from the eyes, a runny nose, or coughs with a liquid sound, use ACV in his or her food. One teaspoon twice a day for a 50 lb. dog will do the job. 

After your weekly grooming sessions, use a few drops in his or her ears after cleaning them to avoid ear infections. Other uses for ACV are the prevention of muscle weakness, cramps, feeling the cold, calluses on elbows and hock joints, constipation, bruising too easily, pimples on skin surfaces, twitching of facial muscles, sore joints, arthritis and pus in the urine. There are also reports that it is useful in the prevention of bladder and kidney stones. 

Fleas, flies, ticks and bacteria, external parasites, ring worm, fungus, staphylococcus, streptococcus, pneumococcus, mange, etc., are unlikely to inhabit a dog whose system is acidic inside and out. Should you ever experience any of these with your dog, bathe with a nice gentle herbal shampoo -- one that you would use on your own hair -- rinse thoroughly, and then sponge on ACV diluted with equal amounts of warm water. Allow your dog to drip dry. It is not necessary to use harsh chemicals for minor flea infestations. All fleas drown in soapy water and the ACV rinse makes the skin too acidic for a re-infestation. If you are worried about picking up fleas when you take your dog away from home, keep some ACV in a spray bottle, and spray your dog before you leave home, and when you get back. Take some with you and keep it in the car, just in case you need it any time. Obviously for major infestations, more drastic measures are necessary. ACV normalizes the pH levels of the skin, makes your dog unpalatable to even the nastiest of bacteria and you have a dog that smells like a salad, a small price to pay!"

  
    O texto fala para usar o vinagre de maçã: no combate à lambeduras de patas, otite, em machas avermelhadas por coceira intensa usando  diluído com água, com spray no local; no equlíbrio ácido/alcalino no trato digestivo dos cães, ou seja seu ph usando o vinagre também na comida do cão uma colher de chá duas vezes ao dia, que também irá eliminar as famosas "lagrimas ácidas " que de ácidas não tem nada.

 Eu mensurei com uma seringa:
 uma colher de chá cheia de água e ela equivale à 1,5ml.
50lb equivalem à 22kg.  
Ou seja seriam 3ml ao dia para um cão com 22kg

   Para um Shih Tzu adulto pesando 5,5kg então o recomendado segundo o artigo seria 0,75ml ao dia dividido em 2 partes em duas refeições, melhorando pela manhã adiciona 0,37 ml de vinagre de maçã à ração e outros 0,37ml, ou seja, menos que meio ml à ração da tarde.

O artigo diz também para pingar algumas gotinhas nos ouvidos após a limpeza semanal para evitar infecções por fungos.

Fala sobre relatos de que previne pedras nos rins, infecções urinárias.

Para cães com pulgas, carrapatos, fungos,algo na pele ele recomenda usar no banho, após lavar o cão, usar o vinagre de maçã diluído em mesma quantidade de água e banhá-lo sem enxaguar, levar para secar com a mistura.

E, para passeios ele recomenda usar o vinagre de maçã em um borrifador, passar no animal antes do passeio faz com que ele não volte com pulgas.

Eu passei aqui sintetizando o que diz no artigo, eu nunca testei nada com vinagre de maçã, confesso que nem tenho em casa. 
Vou pesquisar um pouco mais sobre o assunto e depois experimentar sim em meus peludos caso eu me convença que não seja perigoso para eles.

Em sites brasileiros li também sobre o uso do vinagre de maçã contra os parasitas e em um deles diz que você pode adicionar à água de seu cão 01 colher de sobremesa de vinagre de maçã e isso repele parasitas também.


IMPORTANTE: Este é um método natural de tratamento. Se você optar por usar qualquer um desses métodos. Eu não serei responsabilizada por quaisquer resultados. Por favor, sempre converse com um médico veterinário e siga suas orientações.

Fontes: Cachorro Verde - blog
             kathysk9cuties.com



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui, críticas, sugestões e elogios, sua opinião é muito importante!!

COMENTE!!!!!